O Blog

O Sigo Experienciando começou aqui no Blog em fevereiro de 2017.
E aqui eu falo sobre algo que já começou bem antes dessa data e, também, sobre o que começa a cada dia, a cada nova escolha, a cada nova experiência.

Aqui eu compartilho histórias, experiências, sentimentos e aprendizados da vida.

sigo experienciando profileEsse é um projeto que surgiu de uma ideia criada à pedidos de pessoas queridas que me disseram diversas vezes, durante anos: “Aline, menina! Você precisa escrever sobre tudo isso. Precisa contar para as pessoas e dividir isso com o mundo”.
Até que um dia, despertei e senti no fundo da minha alma que: “Eu preciso mesmo”.
Preciso porque quero inspirar as pessoas ao meu redor e ao redor do mundo, com o coração, contando histórias reais e compartilhando profundas reflexões.
Quero, amorosamente, escrever para quem quer ouvir sobre as mudanças enfrentadas pelas gerações, a busca por respostas que demoram a chegar porque nem mesmo sabemos fazer as perguntas certas, o que fazer quando se quer algo que nem sabe o que é, como se arriscar no desconhecido e abdicar do que nomeamos de zona de conforto, que vazio é esse dentro de nós, o que nos falta tanto se parece que temos tudo do jeito que sonhamos (será?), porque parece que tá todo mundo adorando e se adorando menos eu, deve ter algo errado comigo, não me sinto mais parte desse cenário e por ai vai.
Coisa de gente normal mas que não é qualquer normal que tem, sente ou quer enxergar. Somente alguns seres, como você e eu, prestam atenção, se dispõe a entender.
Vou escrever sobre o tipo de coisa que quando você lê, naquele momento em que você mais se sente um ET, pensa consigo mesmo “Tá vendo, calma, não é só você que tá sentindo isso. Não é só você que tá pensando assim. Tem muito mais gente! É uma tribo de gente! Sua mente está achando que você tá enlouquecendo, mas você não está sozinho e está tudo bem. Calma meu filho…continua ai ouvindo seu coração.”
Como eu mesma já busquei tantas vezes por palavras de coragem, que me fizessem sentir bem, que me acolhessem e confortassem (e busco todos os dias) vou escrever para vocês do jeitinho que eu gostaria de ter lido nos momentos que já passei e que precisei de verdadeiras e profundas inspirações.
Talvez eu não tenha uma resposta certa porque simplesmente não existe uma única resposta. Mas só de vocês saberem que eu mudei a minha vida e não me arrependo de nada, que escolhi seguir novos rumos e foi a melhor decisão que eu tomei, que eu segui meu coração e ele estava certo, que eu encontrei uma saída que me abriu tantas outras portas, que eu não sou milionária e viajei para pelo mundo a fora, vivendo os lugares, conhecendo pessoas, ouvindo novas línguas e experienciando diferentes culturas…Já não te sugere algumas respostas e, principalmente perguntas, para as suas dúvidas ou incertezas constantes? Te conforta, te inspira e te encoraja de alguma forma? Aposto que sim.
E eu também quero muito, saber mais sobre vocês, suas histórias, suas inspirações, seus medos, suas vontades. Todo mundo tem algo para compartilhar e todos nós aprendemos muito com isso.Quem se expõe, se conecta.
Beijos e gratidão.
Anúncios